terça-feira, 12 de julho de 2016

Só para alertar: estamos na década internacional do afrodescendente




No mínimo é vergonhoso para a humanidade a atual pauleira nos Estados Unidos da América que divide o país em torno da questão racial, notadamente entre americanos de origem africana - os afro-americanos negros de todas a origens e os euro-americanos brancos de origem anglo-saxônica protestante branca - os WASPs (White, Anglo-Saxon and Protestant)



O New York Times trouxe uma coluna ontem que trata da aposta WASP no candidato à presidência Trump na esperança de que ele traga de volta a supremacia branca em um país que a diversidade cultural e racial ameaça o poder que sempre esteve nas mãos dos euro-americanos. Preocupante porque este vírus pega. 

Diante deste perigo, o Blog de Foz quer lembrar algo que recebeu pouca divulgação. É o fato de que estamos vivendo na Década Internacional de Afrodescendentes proclamada pela Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas  por meio da Resolução n. 68/237 de 23 de dezembro de 2013. A década começou em 1º de janeiro de 2015 e terminará no dia 31 de dezembro de 2024, com o tema: “Afrodescendentes: reconhecimento, justiça e desenvolvimento”. Assim, estamos há um ano e meio dentro da Década Internacional dos Povos Afrodescendentes. Estamos atrasados! Vamos tentar  chegar a 2024 cumprindo o propósito da década / decênio.      

Link da Década em inglês
Conceitos da Década em PDF em inglês
Link da década em outras línguas da Tríplice Fronteira:
عربي 
中文
Français  
Español


Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Hora no Paraguai incluindo CDE

Hora Mundial: passe o mouse sobre o mapa para escolher região