quinta-feira, 18 de março de 2010

Os Eventos de Foz do Iguaçu (II) ou eu lucrando com eventos alheios

Minha cultura geral cresceu muito e sem ônus para mim graças à cobertura de eventos em Foz do Iguaçu. Foi em evento sobre a água que tomei conhecimento do Sanitário Ecológico Seco e outras técnicas alternativas. Isso foi antes de 2000. Em Foz já cobri eventos sobre muita coisas. Algumas delas estão na minha cabeça até hoje. Estive neles como jornalista, tradutor ou trabalhando para o evento como parte de uma assessoria. É aquela história de que eventos geram emprego local. Lembro-me do Congresso do INPE-Nasa de controladores de satélites.
Ou do evento também do INPE sobre a física do plasma. Quando o editor, na redação diz: "vai lá ver que evento é esse", e você chega lá e vê físicos de todo o mundo discutindo o plasma é muito interessante. E o que é plasma? É do sangue? Não é um gás ionizado - dizem que é o quarto estado da natureza: sólido, líquido, gasoso e plasma! Maravilhoso!
E o Congresso de hepatologia que introduziu a "vídeolaparacoscopia"? Eu estava lá no meio dos médicos. O evento foi no Hotel Internacional e as cirurgias de demonstração em volunatários escolhidos previamente aconteceram nas dependências cirúrgicas da antiga Santa Casa Monsenhor Guilherme.

Outros eventos que marcaram incluiu o Internacional de Entomologia que juntou especialistas em insetos de todo o mundo. Ou o congresso internacional de tradutores da Bíblia patrocinado por Sociedades Bíblicas de vários países. Conheci tradutores da Bíblia para linguas africanas, asiáticas e línguas das Américas. Vi a Bíblia em Guarani completa que ainda estava sendo revisada. Desde então nunca mais vi uma bíblia em guarani. Já estará disponível?

Alguns congressos não chgeuei a ver porque desmaiei antes do final. Foi o caso de um congresso de urologia que como todo congresso tem uma área de exposição. Quando fui procurar novidades para mostrar no jornal me impressionei com a abundância de instrumentos para introdução na uretra. Frente à riqueza de detalhes, minha vista escureceu e eu desmaiei.

Gostei de entrevistar o professor Celso Melo da UFPR e presidente sa Sociedade Brasileira de Física. Desta vez o evento foi no PTI em favor da Unila. Era durante uma aula da cátedra na área da ciência pesada. Falando sobre o tamanho cada vez menor dos chips- veja o tamanho do memory card de seu celular por exempo, ele disse que "estamos no limite quântico da matéria", anunciando que estamos em uma fronteira da tecnologia. Ele falava sobre novos materiais com tendência a usar "materiais flexíveis" e orgânicos, maleáveis alguns com tendência a imitar a pele! E o evento de geologia? Educação Física? Religiões Unidas? Felicidade Interna Bruta?

Foto da NASA mostrando o que se chama de "Fonte de plasma da terra" (wikipedia)

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Hora no Paraguai incluindo CDE

Hora Mundial: passe o mouse sobre o mapa para escolher região