terça-feira, 4 de maio de 2010

De onde veio essa história de Tríplice Fronteira?


"A Tríplice Fronteira e a Guerra ao Terror" de Arthur Bernardes do Amaral é um dos livros que trata do real motivo por trás de nossa súbita mudança de nome e identidade. Reproduzo texto da apresentação da editora.

"O livro faz um estudo sobre as disputas políticas que ocorrem em torno da suposta atuação de agentes do terrorismo internacional ou de seus financiadores na região onde confluem as fronteiras de Brasil, Argentina e Paraguai. Trata-se de uma análise de como foram criados os discursos políticos que buscam vincular a área fronteiriça à imagem de um potencial foco de ameaça à segurança dos Estados Unidos. Após uma breve introdução sobre essa área, A Tríplice Fronteira e a Guerra ao Terror ainda trata da Política Externa do governo George W. Bush, do relacionamento histórico entre os Estados Unidos e o terrorismo político e, por fim, das formas de inserção da América Latina na agenda de segurança norte-americana. Na última parte da obra, é apresentado um amplo mapeamento das disputas políticas envolvendo a Tríplice Fronteira, entre os anos 1992 e 2008. Através das idéias apresentadas pode se identificar os métodos e as formas através das quais a região foi inserida na agenda norte-americana de Guerra ao Terror".

Nota:
O livo está disponível na Livraria Kunda em Foz do Iguaçu. Passei por lá e vi.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Hora no Paraguai incluindo CDE

Hora Mundial: passe o mouse sobre o mapa para escolher região