segunda-feira, 4 de julho de 2016

O Templo Budista de Foz se vestiu para receber a Tocha

Foto Reprodução Globo Esporte

Que bonito! O Templo Budista Chen Tien da Ordem Budista Internacional se preparou e se vestiu para receber a Tocha Olímpica. Na foto acima, vemos a repórter esportiva da Rede Globo RPC do Paraná, Janaína Castilho no pátio principal do templo. Atrás dela, vemos que cada uma das imagens (estátuas) segura uma bandeirinha. É a bandeira do budismo. Eu sempre soube da existência dela mas nunca tinha visto tantas em um só lugar. Daí o "que bonito".  Todas esvoaçando ao sabor da brisa que soprava em no começo da tarde da quinta-feira, 1º de julho. Desejo registrar este evento. O Cosmo já registrou nos arquivos "akáshicos". Todas as fotos com a exceção da foto acima são de André Mourão da organização do revezamento da Tocha.
Bem-vinda Tocha




Foi elogiável o esmero da equipe da ORBI e do Templo que incluiu uma faixa de boas vindas à Tocha aos pés da imagem mais emblemática, a estátua do Buda Sorridente, o Mi La Pusa  (Mílè Púsà), também conhecido como o Buda Maitreya ou o Buda do Futuro. Linda foto onde aparecem os três monges segurando a tocha com o Fogo Sagrado. A passagem da Tocha proporcionou ainda a oportunidade da realização da mistura dos fogos segunda a tradição budista e a tradição olímpica. Ficou dado em Foz do Iguaçu um exemplo da união e convergência do esporte, turismo, cultura, religiosidade e espiritualidade. 
 
 
Fogo Olímpico apresentado diante das estátuas do Buda Amitaba (Amituofo, em chinês) ou Amida Butsu (japonês). Se o templo fosse católico, para dar um exemplo, se poderia dizer que ele, o Buda Amitaba, seria o padroeiro do templo.
 
 Mais uma visão da Tocha diante da gigantesca e mais nova estátua do Buda Amitaba.


A chama diante da estátua que representa o Boddhisattva Avalokteshvara com quatro rostos, cada um representando uma qualidade.
A Tocha diante da estátua de Mílè Pusá (chinês) o Buda Maitreya (Sânscrito). Conhecido na tradição como o Buda do Futuro. Para os brasileiros de origem japonesa, ele é "Miroku Bosatsu" o "Mirai Butsu" (Buda do Futuro).  
Desta vez a Tocha Olímpica se encontra diante da estátua de Kuan Yin, a Boddhisattva da Compaixão. 
Em preparação para a cerimônia


A Bandeira do Budismo
A bandeira budista, é um símbolo de fé e paz utilizada em todo o mundo para representar a fé budista.Para saber mais sobre ela, sugiro uma visita à explicação no site da monja Kokai do Centro Zen Vale do Sino (RS). 

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Hora no Paraguai incluindo CDE

Hora Mundial: passe o mouse sobre o mapa para escolher região