sábado, 21 de abril de 2012

Trabalho decente, verde e sustentável: Congresso da CSA-TUCA

Contra a Terceirização da Migração
Abertura do evento no Hotel Bourbon dia 17
Carta Aberta dos PFs
Atenção administradores públicos! Não basta gerar empregos, o emprego tem que ser decente. O emprego e a indústria ligada a ele têm que ser sustentáveis. De preferência o emprego deve ser “verde”, parte da economia verde. Devem ainda ser justos na questão de gênero, do migrante, da criança. O alvo da luta de todas os sindicatos, federações, confederações, o inimigo comum, deve ser a “terceirização”. Tudo isso eu ouvi nesses quatro dias durante o II Congresso da Confederação Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras das Américas. Tudo o que mencionei acima será levado à Rio+20 que acontecerá em junho no Rio de Janeiro. Por casualidade, durante a semana e em pleno congresso da CSA, a Federação Nacional dos Policiais Federais e o Sindicato dos PFs fizeram uma operação nos aeroportos do Brasil e, em nosso caso em Foz do Iguaçu, justamente para protestar contra a “terceirização” do controle migratório nos aeroportos e fronteiras do Brasil. Bibiana Orsi, delegada do Sinpef em Foz disse que isso é um problema de segurança nacional. Outro paraíso da terceirização, pelo menos em Foz do Iguaçu é o atendimento na saúde. O Blog de Foz destaca que esses são temas modernos. Nos Estados Unidos já terceirizaram até certas operações militares.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Hora no Paraguai incluindo CDE

Hora Mundial: passe o mouse sobre o mapa para escolher região